Notícia SINASEFE IFSul

12 de abril 2018

​Assembleia Geral do Sinasefe-IFSul encaminha mobilização em Defesa da Rede Federal de Educação

​Assembleia Geral do Sinasefe-IFSul encaminha mobilização em Defesa da Rede Federal de Educação Diante dos recentes ataques e ameaças de reestruturação dos Institutos Federais em todo o país, além do já confirmado fechamento de um campus, o Sinasefe Nacional tem orientado sua base a articular atividades de mobilização em defesa da rede federal de educação. Em assembleia geral da categoria, realizada na quarta-feira, 11, o Sinasefe-IFSul aprovou a mobilização dos servidores nesta sexta-feira, 13.
Em Pelotas, foi criada uma Comissão Permanente de Mobilização no IFSul Campus Pelotas, que irá articular as ações. Para esta sexta-feira, foi aprovada a realização de intervalos prolongados, com fala de representantes do Sindicato e do movimento estudantil. Além das atividades de mobilização, a direção do Sinasefe IFSul tem marcada, nesta segunda-feira, 16, uma reunião com o reitor, Flávio Nunes.
Informes
O coordenador de organização do Sinasefe-IFSul, Francisco Brongar, comunicou a decisão da diretoria de reduzir o repasse judicial ao sindicato de 3% para 1%, justificando a diminuição da despesa com os processos jurídicos. A mesa também destacou a realização do encontro dos Representantes de Base do Sinasefe-IFSul, no dia 11 de maio, o qual vai discutir a atualização do regimento de nosso sindicato.
Reajuste da UnimedA diretoria informou a plenário que nesta semana foi procurada pela UNIMED para tratar do reajuste anual dos planos de saúde. A proposta apresentada pela empresa foi de 30,69% e deve ser respondida até o dia 19 de abril. Manoel Porto Júnior sugeriu a rejeição da oferta e recomendou autorizar a diretoria a dar início às negociações tendo como limite da inflação do período, IPCA. A proposta foi aprovada por unanimidade pelos presentes.
Assembleia Geral na Região MetropolitanaEm Assembleia Geral realizada na quinta-feira, 12, no Campus Sapucaia do Sul, os servidores da região metropolitana definiram que a sexta-feira, 13, seria a data para a criação de Comissões Permanentes de Mobilização nos campi, tendo como objetivo a realização de atividades na próxima semana. A assembleia aprovou, ainda, a publicação de uma moção de repúdio ao processo contra a servidora Rubia Sagaz (IFC), que prevê o pagamento de uma multa no valor de 50 mil reais ao Senador Romero Jucá, em função de um vídeo que viralizou na internet, onde a servidora questiona o acordo nacional em prol da corrupção, que deu fama ao parlamentar no último ano.